Início Ação Policia pede transferência de líder de facção da Bahia para prisão de...

Policia pede transferência de líder de facção da Bahia para prisão de segurança máxima

Foto: Reprodução

A Polícia Federal (PF), solicitou que o chefe da facção conhecida como Bonde Maluco, na Bahia, identificado como Pablo Ribeiro Moura, para uma unidade penal de segurança máxima. A informação foi compartilhada nesta quarta (29).

Investigações apontam que Pablo foi quem ordenou que homens armados tomassem localidades do Lavrador e Penacho, no bairro de Valéria, que pertencia ao BDM, mais acabou sendo invadido pela facção rival chamada ‘Katiara’.

A operação aconteceu no mesmo dia da operação de forças de segurança estaduais e federais no local. O caso terminou com a morte do policial federal, Lucas Caribé Monteiro Almeida, de 42 anos, e outros quatro homens suspeitos.

De acordo detalhes, a determinação foi dada através de uma vídeo-chamada, para 100 integrantes do grupo que estavam reunidos dentro do matagal que liga Valeria ao bairro do Palestina, na manhã do dia 14 de novembro, antes do confronto.

Neste mesmo momento, Pablo também teria dito que eles receberiam um reforço de mais 50 criminosos com atuação em outros bairros. Ele ordenou que um homem, identificado como Ueslei Marcos Nascimento, pegasse mais armamentos.

Ueslei foi preso em flagrante por tráfico de drogas na Ilha de Vera Cruz. Ainda segundo investigações, o grupo tinha mais de 100 fuzis, mais que nem todos eram originais. Alguns dos armamentos eram de fabricação caseira.

Planejamento

O grupo foi para região de Valéria por volta das 14h do dia anterior do confronto, que ocorreu nas primeiras horas do dia 15 de setembro. Os 100 homens foram juntos até a estrada do Derba, depois se dividiram em dois grupos.

Um dos grupos foi comandando por um homem com apelido de ‘Faisca’. O outro, que seria responsável por atirar no policial federal foi liderado por um adolescente de 17 anos. O nome do suspeito não foi divulgado para imprensa.

O objetivo era que o grupo comandado pelo adolescente entraria no local para fazer os rivais correrem para o mato, onde o bonde de ‘Faisca’, esperaria para pegar os rivais. No entanto, ao chegaram no local, encontraram os policiais.

Compartilhe agora: