Início Bahia Governo convoca mais 57 aprovados no concurso para Agente de Tributos da...

Governo convoca mais 57 aprovados no concurso para Agente de Tributos da Secretaria da Fazenda

Secretaria da Fazenda do Estado - Foto: Pedro Moraes/GOVBA

A Secretaria da Fazenda do Estado (Sefaz) convoca nesta quarta-feira (20) mais 57 aprovados no concurso para Agente de Tributos Estaduais, do o edital SAEB nº 01/2022, que aguardavam através do cadastro de reserva, e publica a nomeação de outros três aprovados. O certame teve 116 candidatos aprovados – 66 foram convocados esse ano e 45 já iniciaram o trabalho na função.

Nesta segunda-feira (18), o governador Jerônimo Rodrigues, os secretários da Fazenda Manoel Vitório e da Administração Edelvino Góes se reuniram no Centro Administrativo, em Salvador, com representantes do Sindicato dos Servidores da Fazenda do Estado da Bahia (Sindsefaz) e com alguns dos aprovados no concurso para anunciar a convocação.

Na ocasião, Jerônimo Rodrigues frisou a importância do trabalho realizado pelos agentes de tributos para a gestão estadual. “Eu bem sei a importância de fortalecimento de uma secretaria que cuida da situação fiscal do Estado. A nossa receita acontece, acima de tudo, pelos profissionais”.

A relação dos convocados e nomeados será publicada no Diário Oficial desta quarta-feira (20) com o cronograma para entrega dos documentos e dos exames médicos. As pessoas nomeadas começam a trabalhar imediatamente e as convocadas devem iniciar as atividades até fevereiro de 2024. Com os novos agentes de tributos, a Sefaz passará a contar com 696 servidores.

O titular da pasta Manoel Vitório tem uma projeção positiva para 2024 com os novos agentes de tributos. “O serviço público precisa de continuidade. Toda essa turma nova já vai entrar com um paradigma novo. Vai acompanhar o passado, a transição, e vai se preparar para o novo. Então é algo que a gente vê com muita esperança, com muita energia, com muita felicidade”, celebrou.

Tahiná Reis, uma das aprovadas no concurso, percebe o espaço de trabalho novo como uma oportunidade de aprender com os mais experientes na área. “Quero aprender com os agentes e com os auditores que estão lá há mais tempo e dar o meu melhor porque eu sei que é importante. É onde a gente arrecada recursos para contribuir com os outros projetos do governo”, reforçou.

Compartilhe agora: