Início CURSOS

Prefeitura de Salvador abre mil vagas gratuitas para curso preparatório do Enem; confira os requisitos

Foto: Lucas Moura/Secom PMS

Na próxima segunda-feira (17), a Prefeitura de Salvador abrirá mil vagas gratuitas para o programa IngreSSAr, destinado a preparar estudantes para o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) e vestibulares. As inscrições estarão abertas até o dia 28 de junho, às 17h.

Os requisitos para participar são:

  • Jovens entre 16 e 29 anos inscritos no Enem 2024;
  • Estudantes do 3º ano do ensino médio da rede pública ou bolsistas integrais em escolas particulares;
  • Alunos do EJA (Educação de Jovens e Adultos) equivalente ao 3º ano do ensino médio;
  • Egressos do 3º ano do ensino médio da rede pública ou bolsistas integrais em escolas particulares;
  • Egressos do EJA equivalente ao 3º ano do ensino médio;
  • Estar cadastrado no Cadastro Único e ser ou não integrante de famílias beneficiárias do Programa Bolsa Família;
  • Ser residentes de Salvador ou estudantes da rede pública do município.

As inscrições serão realizadas em duas etapas: online e presencial. Inicialmente, o candidato deve preencher o formulário de inscrição no site do IngreSSAr. Em seguida, deve entregar a documentação original e cópias autenticadas na sede da Secretaria de Promoção Social e Combate à Pobreza (SPMJ), localizada na Avenida Estados Unidos, 397, Condomínio Cidade do Salvador, 5º andar, no Comércio, entre 9h e 17h.

Para validar a inscrição, é necessário apresentar:

  • Original e cópia da solicitação de cadastramento assinada pelos pais ou responsáveis (para menores de idade);
  • RG e CPF;
  • Comprovante de residência;
  • Comprovante de conclusão do ensino médio (para egressos);
  • Atestado de escolaridade (para alunos do 3º ano do ensino médio) ou declaração de bolsa integral (para quem estudou em colégio particular).

O resultado final será divulgado no dia 10 de julho, no site do Ingressar, onde também está disponível o edital do programa.

Do total de vagas, 5% são reservadas para pessoas com deficiência, 30% para candidatos negros, e 5% para jovens participantes de programas sociais da Fundação Cidade Mãe (FCM), egressos do Sistema Socioeducativo, ou jovens inscritos ou egressos dos Projetos Cidadão Aprendiz e Sinaleiras. Os candidatos devem apresentar comprovantes específicos de acordo com suas condições, como autodeclaração étnico-racial e declarações emitidas pelas instituições responsáveis pelos programas sociais.

A iniciativa reforça o compromisso da prefeitura em promover a inclusão e apoiar os jovens na preparação para exames importantes para o ingresso no ensino superior.

Compartilhe agora: