Início coronavírus Bolsonaro e comitiva comem pizza na rua em NY, restaurantes exige vacinação...

Bolsonaro e comitiva comem pizza na rua em NY, restaurantes exige vacinação contra Covid

O ministro do Turismo, Gilson Machado Neto, publicou em uma rede social foto do presidente Jair Bolsonaro e sua comitiva comendo pizza na rua em Nova York, nos Estados Unidos, no domingo (19).

Na foto estão o presidente da Caixa, Pedro Guimarães; o ministro-chefe da Secretaria-Geral da Presidência, Luiz Eduardo Ramos; e o ministro da Saúde, Marcelo Queiroga; entre outros.

A cidade exige, desde 16 de agosto, que as pessoas apresentem comprovante de vacinação contra a Covid-19 para frequentar lugares fechados, como restaurantes, cinemas, teatros e academias.

Ao comer na rua, a apresentação do comprovante não é necessária.

O presidente brasileiro já disse mais uma vez que não tomou nenhum imunizante — e, por isso, pode ter dificuldades para frequentar diversos locais em Nova York.

Café da manhã no hotel e entrada pelos fundos
Na manhã desta segunda-feira (20), Bolsonaro tomou café da manhã no hotel, em uma área reservada à comitiva brasileira. Havia uma placa informando que é obrigatória a apresentação do comprovante de vacinação no restaurante.

Sobre o fato de Bolsonaro divulgar que não foi vacinado, um gerente do restaurante, que não quis se identificar, disse que não iria cobrar o comprovante do presidente do Brasil. Questionado se a lei não valia para todos, o funcionário pediu a retirada da equipe da Globo do local.

O presidente brasileiro chegou à cidade no domingo. Para evitar um protesto na porta do hotel em que está hospedado, entrou pela porta dos fundos (veja no vídeo abaixo).

Prêmio para a vacinação
Nova York foi a primeira grande cidade dos EUA a impor a apresentação do comprovante de vacinação contra a Covid-19 para ambientes fechados.

Além disso, para incentivar a imunização, a prefeitura também paga US$ 100 (cerca de R$ 500) para quem se vacinar (veja no vídeo abaixo).

Bolsonaro na ONU
Bolsonaro viajou à cidade para participar da 76ª Assembleia Geral da Organização das Nações Unidas (ONU), que começa amanhã, terça-feira (21). Por tradição, o presidente do Brasil é sempre o primeiro a discursar (o que só não ocorreu em 1983 e 1984).

O tema oficial do evento deste ano será: “Construindo resiliência por meio da esperança – para se recuperar de Covid-19, reconstruir a sustentabilidade, responder às necessidades do planeta, respeitar os direitos das pessoas e revitalizar as Nações Unidas”.

Compartilhe agora:
Artigo anteriorCantor Sertanejo sequestra mulher no bairro de Sussuarana, em Salvador (Vídeo)
Próximo artigoApós negociação, cantor sertanejo liberta mulher que foi feita refém na Sussuarana, em Salvador