Início coronavírus Neto anuncia ampliação de auxílio R$ 270 para taxistas e motoristas de...

Neto anuncia ampliação de auxílio R$ 270 para taxistas e motoristas de aplicativo

Os taxistas, auxiliares e motoristas de aplicativos de Salvador acima dos 40 anos terão direito ao auxílio de R$ 270 oferecido pela prefeitura. A medida foi anunciada pelo prefeito ACM Neto na manhã desta sexta-feira (10), por meio de postagem nas redes sociais. O valor atende a trabalhadores informais impactados pelo isolamento social por causa do coronavírus.

o Prefeito também anunciou a distribuição de cestas básicas para famílias de extrema pobreza e os mototaxistas.

O auxílio foi anunciado por ACM Neto no dia 30 de março e aprovado pela Câmara de Vereadores na tarde do mesmo dia. O valor corresponde a duas cestas básicas (R$ 200) e um botijão de gás (R$ 70).

O pagamento será realizado nas agências da Caixa Econômica Federal (CEF) e lotéricas, nesse caso apenas com um dos cartões sociais: do Primeiro Passo, do Cidadão ou do Bolsa Família. É necessário levar o documento de identidade. O saque deve ser feito por escala. Com a inclusão dos motoristas de até 40 anos, a prefeitura deve divulgar uma nova programação.

O benefício é para os trabalhadores cadastrados em secretarias da prefeitura ou que iniciaram o cadastramento junto ao município até o último dia 20 março. Antes de sacar o valor, o beneficiário deve acessar o site do auxílio, digitar o CPF ou Número de Identificação Social (NIS) e verificar se possui direito de receber o montante e quando pode sacar a quantia.

De início, o auxílio seria pago a 14 mil trabalhadores informais cadastrados na Secretaria de Ordem Pública (Semop), independentemente da idade; a recicladores registrados na Limpurb; a guardadores da Transalvador; além dos taxistas e mototaxistas acima de 60 anos credenciados na Secretaria de Mobilidade (Semob).

Têm direito a receber o auxílio diversas categorias de trabalhadores cadastrados na prefeitura, como ambulantes, guardadores de carro que deixaram de faturar com a isenção temporária das vagas de Zona Azul na cidade, baleiros, baianas de acarajé e recicladores.

Até o momento, mais de 70 bairros de Salvador registram casos de coronavírus. Segundo a Secretaria de Saúde da capital baiana, o bairro que lidera o número de casos é a Pituba, com 27 moradores infectados pela Covid-19, seguido pelo Horto Florestal com 13 casos, além do Engenho Velho de Brotas e da Graça, ambos com 10 casos.

Compartilhe agora:
Artigo anteriorCoronavírus: Bahia registra 604 casos, 19 óbitos e 146 pessoas curadas
Próximo artigoRui costa decreta estado de calamidade pública na Bahia