Início Destaques Deputado Robinson Almeida(PT), defende permanência da Petrobras na Bahia e cita Neto...

Deputado Robinson Almeida(PT), defende permanência da Petrobras na Bahia e cita Neto em caixa 2

Nesta terça-feira(17) no Programa Acorda Pra Vida da Rádio Excelsior o Deputado Estadual Robinson Almeida(PT) foi o entrevistado de Almir Santana. No período foi abordado diversos temas, destacamos: Situação do Governador Rui Costa dentro do Partido dos Trabalhadores, saída da Petrobras da Bahia, relação com o Prefeito ACM Neto e uma possível candidatura do Deputado à Prefeitura de Salvador.

Questionado por Santana, sobre as últimas polêmicas envolvendo o Governador Rui Costa e a cúpula nacional dos vermelhos, referente as declarações do Governador à Revista Veja, que desagradou o comando do Partido, “entenda o caso”, que resultou, em um desabafo de Costa no último domingo(15) na imprensa “comunicado Rui”; ficou arranhada à relação?

“Eu concordo com uma parte das afirmações do Governador…”, pondera, “Não vi nada que pudesse, é, taxa-lo como uma pessoa que não priorize a liberdade do Ex-Presidente Lula…, ele sempre se empenhou com essa bandeira”, declarou. Continua “Discordo do Governador no caso da Venezuela, opiniões sobre à Venezuela que eu discordo, à Venezuela tem um cerco muito grande econômico dos Estados Unidos…”, justifica.

Robinson, defendeu como candidato natural do Partido dos Trabalhadores o Ex-Presidente Lula, o plano B seria Haddad ou o próprio Rui Costa, dentre outros nomes.

Neto lamenta fechamento da Petrobras na BA e culpa PT: ‘Permitiu’

Com relação a possível saída da Petrobras do Estado da Bahia, o Deputado defendeu uma luta conjunta entre Deputados, Governador e Prefeitos. Almir questiona sobre o Prefeito de Salvador neste processo e sobre as suas últimas declarações na mídia responsabilizando o Partido dos Trabalhadores pelo risco de perda da Petrobras no Estado. “Eu acho que o Prefeito deveria defender as atividades da Petrobras aqui em Salvador”, continua “Salvador é a Capital campeã nacional do desemprego no Brasil”, alerta Robinson.

Neto é cúmplice de Bolsonaro pelo fechamento da Petrobrás na Bahia”, rebate Robinson

Robinson, relembra o caso do executivo André Vidal que afirmou em depoimento ao Ministério Público que a construtora Odebrecht repassou em 2012 R$ 2,2 milhões para a campanha de ACM Neto (DEM) à Prefeitura de Salvador (BA). Segundo Vidal, R$ 400 mil foram doados “via bônus eleitoral” e o outro R$ 1,8 milhão, via caixa 2.

Odebrecht pagou R$ 1,8 milhão em caixa 2 para ACM Neto, diz delator; prefeito nega

Falando do futuro, o comunicador pergunta se existe intenção do Deputado ser candidato à Prefeitura de Salvador em 2020,  “Robinson Almeida pré-candidato?”, ratifica Almir.  “Sim, pré-candidato!”, declara Almeida.

Assista a entrevista completa no vídeo:

Compartilhe agora:
Artigo anteriorSalvador: Projeto do Vereador Sidninho que combate pornografia infantil é sancionado
Próximo artigoDetento que determinou chacina em Portão vai pra segurança máxima